terça-feira, 24 de novembro de 2009

O Show do Killers

O sábado, dia 21 de Novembro de 2009 vai entrar para a história. Pelo menos pra mim. Não só porque eu peguei uma baita chuva, estraguei meu celular, sujei meu tênis e minha bermuda de barro e sabe-se lá mais o que. Mas porque foi o dia do show dos Killers.

Puxa vida, o show começava as 20:00. Por volta das 18:00 uma chuva daquelas de achar que o fim do mundo veio antes de 2012, caiu sobre São Paulo. Uma chuva que fez o meu celular estragar, o meu tênis ensopar e a Chácara do Jóquei inundar.

Mas as desventuras pararam por aí.

Com míseros 15 minutos de atraso, Brandon Flowers e seus comandados subiram ao palco. E que palco. Palmeiras, vasos de flores gigantes, telões coloridos e um show de luzes complementava o visual da noite. Ao som de Human (e dos splashes de lama pra todo lado), os Killers iniciaram uma noite que ficará na memória dos presentes. Como sempre, o comando da noite ficou por conta do showman Brandon Flowers, que logo no início da apresentação bradou: 'Boa noite Brasil! Nós somos The Killers. E nesta noite molhada... Somos de 'vossos''. Tudo bem, mas pelo menos ele tentou.

O show foi perfeito. Tocaram todas as músicas que a platéia queria ouvir. Com direito a um inédito cover de Elvis Presley (Can't Help Falling In Love) e uma breve versão de Human, apenas no piano de Flowers - que errou algumas notas, mas deixemos assim -.

O ápice da noite veio nas três últimas canções, Read My Mind, Mr. Brightside e All These Things That I've Done, esta última com direito a uma linda chuva de papéis picados, que levou as 12 mil pessoas presentes ao delírio.

Para o Bis, eles retornaram com duas grandes cartas na manga, Jenny Was A Friend Of Mine e antes de tocarem When You Were Young, Brandon Flowers ainda pediu 'uma conexão humana, uma conexão brasileira' e contou com uma bela chuva de faíscas no fundo do palco, a chuva que molhou apenas de lágrimas alguns rostos, a chuva que serviu para iluminar e fechar a noite que mesmo molhada e suja, foi emocionante.

Há tempo que eu não via um show onde tudo deu certo, mesmo quando parecia que iria dar errado. Um show onde as músicas foram perfeitas, a platéia foi perfeita e a banda foi perfeita. Um show empolgante e emocionante. Um show dos Killers.

Setlist:
"Human"
"This Is Your Life"
"Somebody Told Me"
"For Reasons Unknown"
"Bones"
"The World We Live In"
"Joy Ride"
"Human" (versão no piano)
"Bling (Confession of a King)"
"Shadowplay" (cover do Joy Division)
"Smile Like You Mean It"
"Spaceman"
"A Dustland Fairytale"
"Can't Help Falling in Love" (cover de Elvis Presley)
"Read My Mind"
"Mr. Brightside"
"All These Things That I've Done"

Bis:
"Jenny Was A Friend Of Mine"
"When You Were Young"


FOTOS:
http://www.flickr.com/photos/31381281@N04/

Em breve mais vídeos.

6 comentários:

disse...

Eu estive lá, foi perfeito, muito mais do que minha vã mente conseguiria imaginar

Gui K disse...

Aproveitando o trocadilho barato (e ruim), o show foi matador, genial. Com certeza as imagens que vi em SP vão ficar cravadas na minha memória até o fim de minha vida.
Discordo com o meu colega e acho que algumas músicas faltaram, mas isso é de menos, o show foi genial. Genial. Genial.

Depois dessa resenha não vou nem fazer a minha, tirou as palavras da minha mente.

Eduardo Lautert disse...

Claro que faltaram musicas. Mas esse fato foi completamente ocultado pela bela e emocionante apresentação

Breno Reis disse...

O show foi sensacional!!! Acho que a chuva só ajudou a torna-lo ainda mais especial.

Anônimo disse...

formulable lucile demo article discovering timeframes customs environments aventis improvement difficulty
semelokertes marchimundui

Anônimo disse...

http://gongfu.com.ua - Visit us or die!